Chris standing up holding his daughter Elva

7 tipos de café mais vendidos e quais as diferenças entre eles

2021-04-30 09:52:48

O Brasil é um dos maiores produtores e consumidores de café no mundo. Essa é uma bebida típica que faz parte da rotina da grande maioria dos brasileiros. Por isso, não faltam motivos para que os consumidores queiram conhecer as variedades de café e as qualidades de cada grão especial.

 

Cada tipo de grão possui características próprias que podem agradar ou não o paladar dos consumidores. Ao saber essas diferenças, o processo de escolha fica mais fácil. Continue a leitura para saber os diferenciais dos tipos de café e conhecer algumas bebidas saborosas feitas a partir deles!

 

Como é a produção do café?

O sistema de produção do café se resume, basicamente, em 14 passos, que englobam desde a preparação da terra até o transporte e o preparo da bebida. Todas essas etapas necessitam de cuidados para que o produto final tenha a qualidade desejada.

 

A primeira etapa é o preparo da terra, seguido do plantio das mudas, da manutenção das plantas maiores, do controle de pragas e da organização das pré-colheitas. Depois desses passos, é necessário a separar o fruto da casca e do pergaminho, a classificação, a torra, o blend e a moagem. E antes de chegar ao consumidor final, ele ainda passa pela embalagem e pelo transporte.

 

Variedade dos grãos

Existem vários tipos de grãos, que são produzidos nas mais diferentes partes do mundo. Conheça mais sobre cada variedade abaixo:

 

Robusta

A espécie Robusta tem um aspecto rústico e um sabor acentuado, com grande resistência às doenças. Representando apenas um quarto da produção mundial de café, a Robusta é bastante encontrada em forma de cafés liofilizados e de blends. Confira sua variedade mais popular, a Conilon:

 

 

-Conilon

A planta do Conilon possui folhas enrugadas e grãos menores e mais arredondados. Quando se trate de paladar, esse apresenta um amargor bem presente e marcante, devido a grande quantidade de cafeína (cerca de 2,2%) e de baixa presença de açúcar (de 3% a 7%).

 

Arábica

Essa é a espécie mais produzida e consumida no mundo, o café Arábica tem um sabor puro e suave, é mais adocicado e levemente ácido. Outro ponto que chama a atenção, é que ele traz muitos benefícios à saúde pelo fato de receber uma torra leve. Com isso, os grãos preservam de forma mais intensa os antioxidantes da planta. Confira suas variedades abaixo:

 

 

-Bourbon

O tipo Bourbon é bem comum de ser encontrado e seu aroma intenso é acompanhado por um sabor levemente adocicado. De modo geral, ele apresenta uma bebida suave. Esse tipo é muito produzido no sul de Minas Gerais.

 

-Novo Mundo

Possui um sabor marcante e um aroma suave, ele é bastante usado em torras mais escuras pelo fato de, geralmente, ser mais encorpado e doce que os outros. Essa variedade se adaptou na grande maioria das regiões produtoras de café.

 

-Caturra

O Caturra é frequentemente encontrado na região da Serra do Caparaó - Minas Gerais. Teoricamente foi criado por meio de uma mutação da variedade Bourbon, apresenta porte menor, folhas maiores, largas e novas, cor verde e grande produção nas primeiras safras. Muito comum nas variedades Amarela e Vermelha, ele entrega uma bebida de excelente qualidade, pois é praticamente 100% Bourbon.

 

-Acaiá

Esse tipo é uma mutação natural do Novo Mundo, é 100% Arábica. Participa do grupo de novas variedades e é considerado um café raro. Possui características mais intensas quando é cultivado em altas altitudes, a partir dos 800m acima do nível do mar. Seu fruto possui sementes bem maiores quando comparada a outra variedade, além de boa produtividade. Na xícara, possui notas frutadas e um sabor suave, lembrando achocolatado e com acidez média.